FURO DIRECIONAL

FURO DIRECIONAL

FURO DIRECIONAL PARA INSTALAÇÃO DE TUBULAÇÃO DE GÁS

TÉCNICA É OPÇÃO PARA MELHORIA DOS DUTOS SUBTERRÂNEOS

O chamado furo direcional ou perfuração direcional é um método não destrutivo que consiste na execução de um túnel horizontal por onde surgem dutos subterrâneos. Com esta técnica, não há nenhuma destruição para abrir qualquer tipo de serviço público que possa vir a existir, como em valas na superfície.

O objetivo com o furo direcional é direcionar o equipamento para uma determinada trajetória que deve ser cumprida sem causar impacto ao meio ambiente. A direção sempre será de um ponto pré-determinado com esta técnica. Com tecnologia de varredura é possível ter um monitoramento da trajetória de perfuração. Assim, evitam-se problemas com a instalação subterrânea.

A realização do furo direcional apresenta inúmeras vantagens frente ao modelo tradicional, visto que o método proporciona o menor impacto na execução, baixa ocupação de espaços, pouca interferência na superfície e menor transtorno em sujeiras. Por isso, diversas empresas e indústrias utilizam o procedimento para abertura de dutos.

furo direcional é a tecnologia mais eficiente para travessias, poços, assentamento de tubulações, rodovias, ferrovias, avenidas ou construções. O principal ponto a favor é que a técnica de perfuração direta no local – realizada de forma horizontal – não necessita de abertura de valas para execução das obras. O que podia ser um limitador de tempo e espaço, hoje é um modelo que atua dentro de uma perspectiva não destrutiva.

O método de furo direcional pode ocorrer em três etapas: perfuração, alargamento e instalação do produto. Na primeira, um sensor é instalado na broca utilizada para garantir a navegação como uma varredura.

A gravidade e o campo magnético do solo são elementos utilizados para interpretar as coordenadas. A cabine de controle recebe sinais e decifra códigos para que os operadores podem ter certeza sobre o funcionamento. Com essa finalização, o furo direcional é concluído com precisão. A estabilidade das paredes do solo são efetivadas com a utilização de um fluido que pode atuar como uma espécie de reboco, que diminui o atrito e facilita a inserção de tubos e conexões.

No segundo modelo, de alargamento, após a conclusão do furo direcional, a broca e o sensor são trocados por um alargador. O objetivo é aumentar o furo de acordo com o diâmetro planejado. Na última, os dutos são instalados de forma ordenada, com a presença de profissionais qualificados.

PARA SABER MAIS SOBRE FURO DIRECIONAL ENTRE EM CONTATO COM A BM INDUSTRIAL

Ligue para 55+ (19) 3282-0033 | 55+ (19) 3281-1046 ou pelo e-mail contato@bmindustrial.com.br.